Ver todas

Back

Scania adere ao “Compromisso Climático”

29 Setembro, 2021
304 Visualizações

A Scania acaba de associar-se à Amazon e ao Global Optimism, no The Climate Pledge, o “Compromisso Climático”.

A empresa é agora uma das que se compromete a atingir emissões líquidas de carbono zero até 2040 – 10 anos antes do Acordo de Paris.

A Scania estabeleceu metas climáticas de longo alcance e esperamos colaborar com empresas que partilhem da mesma visão para levar a cabo a ação transformadora necessária para enfrentar as alterações climáticas. “Estamos orgulhosos por estarmos ao lado dos outros signatários do The Climate Pledge”, referiu o Presidente e Diretor Executivo da Scania, Christian Levin. A Scania, juntamente com os outros 200 signatários, está a trabalhar em ações ambiciosas para alcançar zero emissões líquidas de carbono.

O The Climate Pledge, liderado por Christiana Figueres, antiga responsável da ONU para o clima e sócia fundadora do Global Optimism, e Tom Rivett-Carnac, antigo estratega político da UNFCCC, procura reunir um grupo de empresas e organizações que estão preparadas para avançar mais rapidamente e inspirar uma maior ação climática.

A Scania é um destes 86 novos signatários que se associam à iniciativa, sendo que o impacto coletivo do The Climate Pledge criará uma economia com baixo teor de carbono com efeitos profundos nas pessoas, na vida rural e nos recursos.

O compromisso com o The Climate Pledge significa para a Scania estar de acordo com os três princípios de ação e centrar-se no desenvolvimento empresarial:
• Medir e comunicar regularmente as emissões de gases com efeito de estufa,
• Implementar estratégias de descarbonização em conformidade com o Acordo de Paris através de mudanças e inovações empresariais reais, incluindo melhorias de eficiência, energias renováveis, reduções de materiais e outras estratégias de eliminação de emissões de carbono.
• Neutralizar quaisquer emissões remanescentes com compensações adicionais, quantificáveis, reais, permanentes e socialmente benéficas para atingir zero emissões líquidas de carbono anualmente até 2040.

PALAVRAS-CHAVE