Ver todas

Back

Benecar: Referência nacional

7 Dezembro, 2021
1967 Visualizações

Conhecida como a “Cidade do Automóvel”, a Benecar é não só um dos maiores stands de automóveis nacionais, como possui também uma das maiores, senão mesmo a maior, oficina de automóveis em Portugal.

TEXTO PAULO HOMEM

Localizada na Benedita, próximo da antiga Estrada Nacional 1, a “Cidade do Automóvel” é um enorme complexo automóvel que todos deveriam conhecer. A verdade é que ninguém fica indiferente ao visitá-lo, logo a começar pela dimensão das instalações. Ao entrar, sobretudo no salão de exposição, a dimensão conta mesmo. São centenas e centenas de carros para venda (fora os que estão no exterior), todos eles muitos recentes (menos de três anos) e alguns novos com zero quilómetros. Os diversos espaços de exposição interiores (cada um tem um nome de um piloto campeão do mundo de Fórmula 1), são muito amplos e seguem uma determinada filosofia por tipo e por categoria de carro, existindo pelo meio um museu automóvel (com carros clássicos emblemáticos), um amplo bar, um pavilhão para controlo final e entrega dos carros aos clientes ou para exposição, e outros espaços sempre com informações sobre a temática automóvel, a que de facto ninguém fica indiferente!!!

Oficina

A oficina da Benecar é um mundo. A empresa que está a caminho dos 30 anos, abriu em 2008, ao público em geral, a Beneservice, que passou de uma oficina interna de recondicionamento dos veículos usados para venda, a uma oficina multimarca e multiserviços, que é talvez a maior oficina independente que existe em Portugal!!!

“Se já estávamos a vender os carros e tendo em conta que na região não havia grandes oficinas, decidimos que uma forma de fidelizar e ganhar a confiança do cliente era investir também nesse negócio”, afirma Nuno Grosa, gerente da Benecar. Ao longo dos últimos 13 anos foram sendo feitos diversos investimentos, sem pre de forma estruturada e em função do crescimento das vendas, tendo já como objetivo desenvolver o conceito de “Cidade do Automóvel”, onde as vendas e pós-venda se unem. A ideia era criar algo diferente no setor de usados e superar até o que se faz nos concessionários a diversos níveis, incluindo o atendimento ao cliente, depois de ver também o que se faz de melhor a nível internacional.

“Já não tínhamos capacidade de resposta na nossa oficina, o que nos levava a entregar serviço fora”, conta Nuno Grosa, referindo que foi então pensada a reestruturação da oficina a partir de uma folha em branco, seguindo-se uma lógica de linha de montagem, pensada sobretudo na rentabilidade da operação. Já que se iria avançar com este projeto, foi também decidido então desenvolver algum mais amplo, que envolvesse todas as fases do negócio, desde a preparação, ao serviço oficinal, à exposição dos veículos e à entrega. “O nosso objetivo é que o cliente quando vem à Benecar tenha uma experiência diferente, o que exige que em momento algum às suas expetativas sejam goradas. É daí que nasce o conceito da Cidade do Automóvel”, conta Nuno Grosa. Dessa forma, na Benecar o cliente pode comprar carros novos e usados, fazer seguro, ter o crédito, fazer assistência pós-venda (mecânica e colisão), ter veículo de substituição (que é gratuito) e pode alugar um carro.

90 Profissionais

Cerca de 90 profissionais estão afetos à oficina da Benecar. Só este número diz bem da dimensão da mesma, pensada e projetada para ser uma autêntica linha de montagem, em que os carros seguem uma única direção ao longo das diversas fases em que são intervencionados. Aliás, parte do trabalho da oficina é feito bem antes do carro entrar na oficina, já que todos os carros são sujeitos a uma inspeção prévia assim que chegam às instalações da Benecar, onde são lavados, seguindo depois para exposição ou para a oficina (neste caso já com a encomenda das peças feita previamente através de um orçamento) caso seja necessária alguma intervenção de chapa ou de mecânica.

Assim, que o carro chega à oficina, os mecânicos sabem exatamente o serviço que é para fazer tendo as peças e componentes necessários para efetuar a reparação, sem desperdícios de tempo. “Trata-se de um oficina que não serve apenas para preparar os carros que vamos vender ou para trabalhar as nossas garantias, controlando a qualidade do produto que vendemos, é também uma oficina aberta ao público, que trabalha com clientes finais como com seguradoras, apesar de não termos acordos com elas”, refere Nuno Grosa, dizendo que “obviamente que este negócio está muito ligado ao dos usados e vice-versa, o que nos permite potenciar ambos e fidelizar ainda mais os clientes”.

A oficina acaba por assumir um papel fundamental na estratégia da Benecar, tanto mais que “o pós-venda acaba por aumentar a confiança do cliente quando pretende adquirir um carro e sabe que nós lhe damos todo o serviço a seguir a essa venda, incluindo carro de substituição gratuito”, diz o gerente desta empresa. De modo a profissionalizar ainda mais todo o processo, foi desenvolvido um CRM para o pós-venda, tal como existe nas vendas, que permite à Benecar detalhar a operação.

BENECAR
Nuno Grosa
262 925 190
marketing@benecar.pt
www.benecar.pt

Artigo publicado na Revista Pós-Venda n.º 68 de maio de 2021. Consulte aqui a edição.

PALAVRAS-CHAVE