Ver todas

Back

Euromaster recomenda às oficinas verificação dos pneus, escovas e bateria dos veículos

26 Janeiro, 2024
387 Visualizações

A Euromaster recomenda às oficinas a verificação do estado dos pneus, da bateria e das escovas do limpa para-brisas dos veículos durante o Inverno.

A empresa recomenda as seguintes verificações nos veículos que chegam às instalações das oficinas:

Estado dos pneus: A Euromaster lembra que os pneus são os “sapatos” do veículo e o único ponto de contacto entre o automóvel e o asfalto. Daí a sua importância para que estejam sempre em bom estado e ofereçam sempre uma aderência e uma tração ótimas. Por conseguinte, é essencial verificar a pressão e a profundidade do piso. A experiência mostra que abaixo de 4mm a profundidade do piso em estradas molhadas não é tão eficaz como deveria ser. Uma questão que aumenta as probabilidades do perigoso fenómeno de aquaplanagem, um deslizamento descontrolado de um carro que ocorre quando os pneus não aderem ao asfalto devido à película de água que cobre a estrada.

Bateria: este é um dos elementos técnicos que deve ser acompanhado mais de perto, especialmente em temperaturas baixas. No caso de já ter decorrido muito tempo desde a revisão anterior – a Euromaster recomenda fazer um “eletrocardiograma” ou verificação da bateria pelo menos uma vez por ano – a tendência é para que as avarias ocorram sem aviso e sem qualquer sintoma prévio. Neste caso, quando uma bateria falha, o veículo não arranca. A avaria em si não é grave, mas pode causar um grande incómodo, sobretudo devido à hora e ao local. É diferente o carro não pegar num lugar de estacionamento do que o mesmo se passar num lugar mais afastado de casa ou do local de trabalho.

Escovas do limpa para-brisas e líquido de lavagem: se estes dois componentes estiverem em bom estado, o condutor terá sempre uma boa visibilidade, quer à frente quer atrás do veículo, em especial em caso de chuva forte ou de neve. A este respeito, a Euromaster recomenda a verificação dos limpa para-brisas pelo menos uma vez por ano ou após um período prolongado sem precipitação, uma vez que se pode ter gerado e acumulado pó e sujidade excessiva nas escovas. Uma substituição custa entre 15 e 50 euros, com enchimento do líquido adequado.

Funcionamento dos faróis: o bom estado dos faróis evita possíveis acidentes, em especial em condições de fraca ou má visibilidade, circunstâncias que se verificam habitualmente em caso de chuva intensa. Neste aspeto, a Euromaster recomenda que se verifique a correta ligação dos faróis, se a luz piloto está em bom estado e ainda a regulação da altura correta com um luxímetro. O principal objetivo do sistema de iluminação de um veículo é que o condutor possa ver bem tudo o que se passa na estrada, bem como ser visto pelos outros condutores.

PALAVRAS-CHAVE