Revista Pós-Venda
NotíciasM.M PEÇAS: Pensar global, agir localmente
M.M Peças

M.M PEÇAS: Pensar global, agir localmente

por

A M.M Peças interpreta bem aquilo que é um retalho de peças no interior do país. A empresa soube combater a sua interioridade tendo-se associado à Redeinnov… em boa hora.

TEXTO PAULO HOMEM

J á lá vão 11 anos, feitos em agosto passado, que foi fundada a M.M Peças, nome que utiliza para os seus clientes. José Monteiro, gerente da empresa, esteve mais de 20 anos ligado a um concessionário, mas percebeu que a região da Régua estava muito deficitária no que a peças de aftermarket diz respeito. Vai daí, passou do sonho para a realidade e deu início ao negócio de peças desenvolvendo a M.M Peças.

O crescimento que a empresa foi tendo todos os anos está também visível no crescimento das próprias instalações, pois da loja inicial, passou-se para uma segunda loja anexa e, mais recentemente, para mais uma loja (também ao lado), que “são o reflexo do crescimento que a empresa tem registado todos os anos, sem grandes alaridos e sem grandes loucuras, sempre na base da sustentabilidade, mas com foco no cliente e apostando sempre em preços competitivos. Aliás, os clientes nunca tiveram preços tão competitivos como têm agora”, refere José Monteiro, gerente da M.M Peças. Operando sobretudo na zona da Régua e Lamego, a M.M Peças assenta o seu conceito de negócio na proximidade ao cliente. Porém, para o responsável da empresa tem sido também muito importante “o respeito que a M.M Peças granjeou junto dos clientes. As empresas são feitas de pessoas e são elas que dão valor às próprias empresas. É esse o caso desta casa de peças”.

Tendo um balcão de peças aberto essencialmente a profissionais a restante distribuição é feita através de duas carrinhas que apoiam logisticamente na entrega das  peças às oficinas, que podem ser urgentes e sem horários definidos para clientes da Régua.

“Como disse, temos o foco no cliente e por isso a lógica é servir sempre o cliente na hora, mesmo que isso implique por vezes entregar apenas um filtro”, refere o gerente da M.M Peças, dizendo que “mesmo assim o nosso balcão tem ainda uma forte representatividade nas vendas, mas a tendência tem sido entregar cada vez mais peças na oficina”. Apesar de disponibilizar para os seus clientes diversas plataformas online de encomendas, apenas alguns clientes as usam, sendo que o telefone continua a ser ainda a forma mais usada de encomendar as peças. “Tem muito a ver com a proximidade que temos aos nossos clientes e com o histórico, nós temos que respeitar essa opção o que exige de nós um esforço grande para tentarmos melhorar sempre o serviço”, refere José Monteiro.

REDEINNOV

Um dos passos mais importantes da história da M.M Peças foi a integração na Redeinnov no ano de 2015. “Começava a sentir a necessidade de estar associado
a um grupo ou rede distribuição, não só para acompanhar melhor a evolução do mercado, mas também para ter acesso à formação, informação, novos produtos, melhores preços, etc”, refere o gerente da empresa da Régua, dizendo que “foi sem dúvida uma excelente aposta, pois correspondeu exatamente a essas expetativas que tínhamos, o que nos permitiu passar a comercializar melhores marcas e ter preços mais competitivos”.

Juntamente com as exigências de serviço impostas pelos clientes, José Monteiro explica que “é também necessário sermos competitivos nos preços e nós de facto temos preços mais competitivos”.

Com outras responsabilidades e com novos desafios ao nível da gestão por via da  integração na Redeinnov, o responsável da M.M Peças reconhece que esta mudança foi positiva e que a empresa está de corpo e alma neste projeto, também pela equipa em si e pelos restantes parceiros da rede, como “pelo de facto de nos permitir estar mais atentos ao mercado e de termos alguém que também está atento por nós”, refere o gerente da M.M Peças.

Convencido de que a formação será cada vez mais importante para os seus clientes oficinais, a M.M Peças irá disponibilizar um plano de formação, fruto também
desta parceria. Perspetivando uma grande transformação no setor automóvel, por via do avanço da tecnologia, José Monteiro, diz que isso vai trazer dificuldades às oficinas independentes que não se atualizarem tecnicamente. Por isso, “vamos apostar na formação técnica para os nossos clientes, como forma de todos podermos acompanhar a evolução do automóvel. O facto de estarmos na Redeinnov irá facilitar esse processo”, realça o gerente da M.M Peças. Novas ideias, novos projetos e novos desafios se perspetivam na atividade da M.M Peças, agora que a empresa investiu no aumento do espaço em armazém, que lhe permitirá serviu melhor os clientes.

Nº de visitas: 190 ~ Visto Hoje: 1

Deixe uma resposta

Contactos

Rua do Sol, 8-A, Vila Fria, 2740-166 Porto Salvo

+351 21 806 89 49

geral@posvenda.pt

siga-nos

Voltar para Topo
Shares
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com