Ver todas

Back

“Temos conseguido ganhar a confiança e satisfação dos clientes”, Afonso Guimarães, MAN

3 Fevereiro, 2020
1040 Visualizações

Em 2020 a MAN vai avançar com alguns novos projetos para o pós-venda depois de um ano de 2019 que relevou o continuo crescimento da atividade nesta área, como nos conta o Director Após-Venda da marca, Afonso Guimarães.

Qual o número de viaturas assistida na rede oficial da marca? Qual foi a evolução deste indicador (em %) face a 2018 e face aos anos anteriores?
A evolução do mercado tem sido bastante positiva, mantendo a tendência dos últimos anos, consequência da constante renovação de frota que se tem verificado no sector dos camiões. Na MAN isso tem um efeito ainda maior, dada a elevada presença que temos no sector dos autocarros e o crescimento que temos registrado no segmento dos Comerciais Ligeiros com a nossa linha de produto mais recente, a MAN TGE.

Qual a percentagem do parque circulante da vossa marca que é assistido na rede e qual a evolução deste indicador em 2019?
A MAN distingue-se por ter uma alta taxa de fidelização do mercado, em primeiro lugar fruto duma aposta forte na qualidade do serviço e competências técnicas da nossa equipa. Naturalmente que a evolução crescente de veículos com contratos de serviço contribui para esta realidade.

Apostando numa solução completa de contratos de reparação e manutenção, com tudo incluído, i.e. sem qualquer tipo de imprevisto para os clientes, temos conseguido ganhar a confiança e satisfação dos clientes MAN, que faz aumentar a conquista do parque circulante MAN.

Como evolui o rácio de consumo de peças dentro da oficial face à venda de peças ao “exterior”?
O mercado de peças é um mercado altamente competitivo, no entanto para além do anteriormente referido, a MAN tem trabalhado para manter uma penetração de mercado bem acima dos 50%. Destacaria apenas como exemplo a garantia internacional de peças de 2 anos, que num mercado ligado à mobilidade pode ser uma vantagem competitiva para os nossos clientes.

Quais foram as principais novidades introduzidas na rede pós venda oficial da marca em 2019 (novas concessões, novos reparadores autorizados, novas oficinas oficiais, etc)?
Em primeiro lugar introduzimos um novo conceito chamado “Bus Top Service” nas oficinas de Lisboa e Porto, caracterizando-se em resumo por dar um serviço especializado aos clientes de autocarros. Nos restantes pontos de serviço a principal novidade está ligada às soluções de telemática, sobre o nome de  MAN Service Care. O MAN Service Care é um serviço de gestão de frota proactivo, em que os dados dos veículos são transmitidos à oficina, que depois pode coordenar o planeamento de manutenções ou intervenções. É uma solução integral, mais uma vez no sentido de despreocupar o cliente e otimizar a mobilidade, nomeadamente o tempo operacional das viaturas.

Quais serão os principais investimentos ou apostas para 2020, ao nível do pós-venda e peças da vossa marca?
Temos alguns projetos em curso que irão ser desvendados em momento próprio. De qualquer forma temos uma grande aposta na maximização do nível técnico da nossa equipa, em que iremos concluir o programa de certificação de “Truck Expert” e “Bus Expert”, e por outro lado, a nível de portfolio destacaria a aposta em cada vez mais opções disponíveis do MAN Ecoline+, que são os motores recondicionados de fábrica.

PALAVRAS-CHAVE