Ver todas

Back

“Para acompanhar a evolução, as oficinas terão que estar sensibilizadas”, Rodrigo Serrano, Axalta

17 Janeiro, 2017
1380 Visualizações

Responsável pelo desenvolvimento das marcas da Axalta (Spies Hecker, Standox e Cromax) em Portugal, Rodrigo Serrano diz que um dos desafios continua a ser a formação, área onde a empresa tem apostado muito.

Qual o balanço que faz da atividade da sua empresa em 2016 e quais foram os factos mais marcantes no setor das tintas / repintura auto?
2016 foi um ano intenso, mas positivo para a Axalta, em que destacamos como factos mais marcantes, a evolução positiva e consolidação sustentada das nossas marca Spies Hecker e Standox e a implementação efetuada na marca Cromax, com um novo parceiro que adicionou toda a sua experiência e conhecimento e que resultou numa parceria forte e de qualidade, com resultados bastante positivos.
No entanto existem outros factos que importa realçar neste balanço :
– A importância das Redes de Distribuição que diariamente estão no terreno a apoiar e a servir os clientes.
– O desenvolvimentos de produtos e de soluções com o objetivo de ajudar as oficinas a obter mais qualidade e melhor rentabilidade.
– A Formação. Ferramenta fundamental que disponibilizamos a todos os nossos clientes, cada vez mais centrada nos processos e nos sistemas, ajudando-os a tirar a máxima rentabilidade e a melhor otimização do seu negócio e dos sectores de colisão.

Que análise faz do mercado das tintas / repintura auto atualmente?
É um mercado muito competitivo. A Axalta todos dias trabalha para  continuar a  liderar com inovação, simplicidade e com base nos dados que recebe dos seus clientes.
Buscamos soluções que gastem menos energia, sejam mais amigos do ambiente e que melhorem a produtividade e a eficiência dos nossos clientes.

Quais as perspetivas para 2017 e futuro, e que factos poderão vir a marca este setor?
Para a Axalta e como primeiro objetivo, é continuar a inovar e a marcar a diferença em termos de qualidade de produto, com serviços qualitativos sempre disponíveis para as necessidades dos clientes assente numa Rede de Distribuição muito profissional e competente.
Pensamos que devido à evolução das soluções de pintura apresentadas pelas Marcas Automóveis com o objetivo de se conseguir obter diferenciação junto dos seus clientes, levou a que o nível da Repintura Automóvel também fossem desenvolvidas novas ferramentas e soluções para fazer face a estas inovações.
Para acompanhar esta evolução, as oficinas terão que estar sensibilizadas.

PALAVRAS-CHAVE