Ver todas

Back

Gama Michelin X Multi continua a crescer

23 Outubro, 2020
441 Visualizações

A Michelin acrescenta 7 novas referências à gama Michelin x multi, destinada a equipar camiões e semirreboques.

A Michelin amplia a sua gama de pneus Michelin X Multi, destinada a equipar camiões e semirreboques no segmento de utilização polivalente para o transporte regional, com a medida de maior volume de vendas no mercado da Península Ibérica, 315/80 R 22.5 Michelin X Multi Z & D, assim como com um produto específico adaptado às cargas extra, com a medida 385/65 R 22.5 Michelin X Multi HLZ & HLD. A renovação é também extensível a dimensões que equipam camiões de menor tonelagem, e com menor volume de vendas no mercado, com a medida 305/70 R 22.5 Michelin X Multi HLZ y D, bem como com a medida 11 R 22.5 Michelin X Multi Z2.

Já presente no mercado, com a medida 315/70 R 22.5, a gama Michelin X Multiestá agora disponível também na medida 315/80 R 22.5, a mais procurada do mercado no segmento polivalente regional. O Michelin 315/80 R 22.5 X Multi Z para o eixo direcional oferece um aumento de 15% no potencial de rendimento quilométrico, por comparação com a gama anterior. Por seu turno, o pneu Michelin 315/80 R 22.5 X Multi D foi concebido para o eixo motriz e oferece um incremento em duração de 10% por comparação com o seu predecessor.

Concebido especificamente para equipar as unidades tratoras e os eixos de reboques que necessitam de uma capacidade de carga extra, como pode ser o caso dos camiões equipados com gruas, da atividade do transporte de madeira, dos porta-contentores ou do transporte a granel de matérias sólidas, a Michelin propõe:

  • O pneu Michelin 385/65 R 22.5 X MULTI HLZ para eixo direcional, que admite até 10 toneladas por eixo e oferece uma duração aumentada em 30% por comparação com a gama anterior.
  • Uma versão para eixo de reboque, o Michelin 385/65 R 22.5 X MULTI HLT, que também admite 10 toneladas por eixo, o que equivale a uma tonelada mais do que uma versão standard. As tecnologias empregues na sua conceção permitem aumentar o seu rendimento quilométrico em 25% (2).

Ambos os modelos distinguem-se pelas siglas HL, acrónimo de High Load (grande capacidade de carga) e beneficiam das tecnologias Regenion, Infinicoil, Duracoil e Powercoil.

Toda a gama Michelin X Multi beneficia da marcação 3PMSF, o que garante um elevado nível de aderência em qualquer condição climatérica. Mesmo com apenas 2 mm de profundidade de escultura restante na banda de rolamento, os pneus Michelin X Multi continuam a alcançar a certificação 3PMSF.

A gama Michelin X Multi pode ser reesculturada e recauchutada, para otimizar os custos das empresas e minimizar o impacto sobre o meio ambiente, reduzindo o consumo dos recursos naturais e a pegada de carbono.

As prestações da gama Michelin X Multi são possíveis graças às seguintes 5 tecnologias patenteadas pela Michelin:

  • INFINICOIL. Aperto da estrutura da carcaça no topo, com um cabo de aço enrolado numa espiral em contínuo. Proporciona maior estabilidade da carcaça e permite obter uma estrutura mais resistente, maior capacidade de carga e um desgaste mais uniforme.
  • REGENION. Performance concebida para durar, com uma escultura evolutiva que permite uma regeneração com a utilização: mais cerrada quando o pneu é novo, para reduzir o impacto na resistência ao rolamento, e com os canais que se vão abrindo com o desgaste, para manter um elevado nível de aderência durante toda a vida útil do pneu.
  • POWERCOIL. Nova geração de cabos de aço mais resistentes: maior proteção contra a oxidação, grande poder de flexão, para uma menor fadiga, e menor aquecimento da carcaça.
  • DURACOIL. Talão reforçado com uma capa de nylon de alta resistência que envolve os aros metálicos. Permite uma maior resistência à fadiga da carcaça na zona do talão, e garante uma maior taxa de recauchutagem.
  • FORCION. Novo componente de reforço com nanopartículas (negro de carbono), que torna o composto de borracha mais resistente às agressões, cortes e arrancamentos, e permite aumentar o rendimento quilométrico.

PALAVRAS-CHAVE