Ver todas

Back

B-Parts debate papel das peças usadas e futuro do mercado automóvel

20 Janeiro, 2023
281 Visualizações

Para conhecer a indústria automóvel atual e o impacto das peças usadas, a B-Parts falou com German Catoira, Presidente da Associação Espanhola de Desmantelamento e Reciclagem Automóvel.

Na entrevista, German Catoira sublinhou as vantagens e o papel das peças usadas e o impacto da aceleração das vendas online nos últimos anos com marketplaces e e-commerce cada vez mais especializados, como a B-Parts. O presidente da AEDRA partilhou também a sua opinião relativamente ao futuro do mercado automóvel, que prevê mais consciente das preocupações ambientais e apoiado numa utilização mais frequente de peças originais usadas.

A entrevista decorreu no escritório da B-Parts, no Porto, e iniciou uma nova série de vídeos com entrevistas a especialistas e profissionais na área de peças usadas e economia circular. O objetivo é conhecer o mercado atual e antecipar o futuro a partir das perspetivas de diferentes intervenientes de distintos países.

Na conversa com German Catoira, foram sublinhadas as vantagens e o papel das peças usadas, tanto para o ambiente como para os fabricantes de carros e para o cliente final, e o impacto da aceleração das vendas online nos últimos anos, em consequência, segundo o presidente da AEDRA, da digitalização em massa das peças e da pandemia.

O também presidente da Associação Galega de Centros de Abate Travega elogiou o trabalho e o grau de especialização dos e-commerces de peças usadas, como a B-Parts, uma vez que incitam os centros de desmantelamento a manter os padrões de qualidade e garantia extremamente elevados. German Catoira falou ainda de como os marketplaces, com serviços integrados, são essenciais para escoar stock de peças com pouca procura no mercado nacional e para proporcionar um âmbito de venda internacional mais forte.

Em conclusão, o presidente da AEDRA prevê que o mercado das peças usadas vai continuar a crescer exponencialmente, devido às preocupações ambientais, a questões económicas e à mudança na mobilidade que se vai sentir na Europa, a partir de 2035, com o fim da venda de carros a combustão.

A entrevista está disponível no perfil de Youtube da B-Parts, com legendas em
Espanhol, Inglês, Francês, Alemão e Português:

Veja aqui a entrevista:

PALAVRAS-CHAVE