Ver todas

Back

CEMA Baterias recomenda às oficinas verificação periódica das baterias

3 Agosto, 2022
130 Visualizações

A CEMA Baterias lembra que o aumento das temperaturas leva a uma redução da duração das baterias e aconselha a que seja realizada uma inspeção periódica por parte das oficinas, uma vez que o seu desempenho, devido ao calor, poderá ser reduzido em até 50%.

Segundo estudos realizados por companhias de seguros nacionais, metade de todas as avarias na estrada deve-se a falhas eléctricas, 30% das quais são causadas pela bateria. Se a isto se acrescentar este aumento de temperatura, a bateria pode sofrer uma avaria, uma vez que a temperatura óptima de funcionamento é de cerca de 25ºC. Exactamente o que acontece é que o desgaste prematuro é causado pelo excesso de calor, o que resulta na descarga da bateria a um ritmo mais rápido.

“Ter baterias de qualidade dos principais fabricantes mundiais garante, em primeiro lugar, uma maior duração da bateria e, em segundo lugar, uma maior resistência a mudanças extremas de temperatura”, explica Rafael Fernández, fundador e CEO da CEMA Baterías, uma empresa dedicada à importação, exportação e distribuição de baterias.

Como grossistas de baterias, CEMA Baterías recomenda que qualquer pessoa envolvida na venda de peças sobressalentes e de substituição deve avisar os seus clientes que “se o painel de instrumentos do veículo mantiver a luz indicadora de falha acesa, é melhor não pensar nisso, pois em breve dará um erro. Além disso, se o carro tiver dificuldade em arrancar, se o motor de arranque não tiver energia de arranque, significa que a bateria não tem energia suficiente para arrancar todos os componentes que contém. “Se alguns dos sistemas eléctricos do carro falharem, tais como injecção de combustível, faróis, aquecimento ou ar condicionado, há todos os sinais certos de que a bateria está a falhar.

PALAVRAS-CHAVE