Ver todas

Back

Aftermarket gerou 1.578 milhões de Euros em Portugal em 2016

20 Setembro, 2018
333 Visualizações

A ACAP, através da DPAI (Divisão de Peças e Acessórios Independentes) divulgou hoje alguns dados sobre o Observatório de Comércio de Peças e Acessórios.

Das diversas análises do estudo, nomeadamente ao nível dos rácios do setor do aftermarket, nota uma evolução positiva na liquidez disponível das empresas do setor, bem como uma evolução muito grande (2013 vs 2016) ao nível da autonomia financeira.

O mesmo estudo revela ainda que o prazo médio de recebimentos continua a ser uma dos problemas deste setor e da economia em geral!!!

Neste estudo é ainda referido que os indicadores de vendas de todos os seis escalões de empresas que constam no mesmo tem vindo a melhorar, quer por via da margem, quer pela maior eficiência operacional e consequente redução de custos.

De uma forma geral, conclui o estudo, que existe uma clara melhoria na gestão do negócio de peças em relação a 2013.

Refira-se ainda que o negócio do aftermarket em Portugal gerou 1.578 milhões de Euros em 2016 (último ano de análise), sendo o quarto ano consecutivo de crescimento do negócio, depois do mínimo obtido em 2012. Com este ritmo de crescimento é expectável que o negócio do aftermarket possa atingir valores próximos dos atingidos em 2007 e 2010 (acima dos 1.620 milhões de euros).

Poderá obter mais informação através deste LINK.

PALAVRAS-CHAVE